quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Eventos na Rural voltados à leitura e literatura



Eventos mês de novembro na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - UFRRJ

III Feira de Livros das Editoras Universitárias
De 8 a 12/11, no Pavilhão Central/ Campus Seropédica.
O evento contará com a participação das editoras da UFRRJ, Fiocruz, UFF, UERJ entre outras. As obras serão comercializadas com até 50% de desconto!
Oficina de Contação de História
De 12/11 a 3/12, às sextas-feiras, de 3 h às 14h30. Inscrições de 3 a 5/11. A oficina será ministrada pela Profa Gizele Souza (IE/ICHS). Informações: 2682-1568.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Círculo da Infância


O Instituto TEAR em parceria com o SESC e o Instituto C&A realizam no próximo dia 30 de outubro um evento especial para educadores - em homenagem ao Dia dos Mestres, aos 20 anos do Estatuto da Criança e do adolescente e aos 30 anos do TEAR.
Maiores informações, clique aqui.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Primavera de Livros

Primavera dos Livros homenageia o Rio de Janeiro em sua 10ª edição

Evento acontece entre 21 e 24 de outubro,no Museu da República, com cerca de 90 editoras e 10 mil títulos à disposição do público

        Entre 21 e 24 de outubro, o Museu da República será cenário da 10ª Primavera dos Livros, o maior encontro de editoras independentes do país. O evento, que acontece pela quarta vez consecutiva nos jardins do Palácio do Catete, terá como tema principal o Rio de Janeiro, em um momento em que olhares do mundo inteiro estão voltados para a cidade.


Promovida pela Liga Brasileira de Editoras, o evento contará com a presença dos editores em standes. Haverá também descontos de até 40% sobre o preço de capa.
Para os debates, já estão confirmados o escritor Ferreira Gullar, o teólogo Leonardo Boff e o jornalista Sérgio Cabral. 


Se interessou? CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS.

Cursos 0800


O PROLER – Programa Nacional de Incentivo à Leitura – projeto de valorização social da leitura e da escrita, está vinculado à Fundação Biblioteca Nacional e ao MINC – Ministério da Cultura.
O Programa, está oferecendo gratuitamente, na Casa da Leitura, cursos voltados para formação de professores, estudantes, bibliotecários e outros mediadores de leitura.


quarta-feira, 20 de outubro de 2010

MINI BIBLIO - Programa para catalogação de livros e controle de empréstimos

É um sistema utilitário distribuído de maneira livre (freeware). Seu objetivo é o cadastro e gerenciamento de livros, revistas, vídeos, manuais, discos e/ou dados. É bastante funcional, portanto pode ser usado em grandes acervos ou como uma forma simples de controle e organização da sua biblioteca pessoal. Com o MiniBiblio, além do cadastro de livros, revistas e semelhantes, é possível controlar empréstimos dos mesmos, sabendo o dia em que um material foi retirado e quando foi (ou deve ser) devolvido. É bastante versátil, apresenta diferentes possibilidades de configuração de seu visual, bem como de sua funcionalidade.
O único problema é que somente funciona na plataforma Windows (98/Me/2000/XP).

CLIQUE AQUI e baixe o programa gratuitamente.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Sequencia Didática sobre fábulas de Esopo e La Fontaine

 Amigos, no blog Fábulas, encontramos algumas atividades bacanas sobra fábulas. Leia um trechinho da postagem:



A fábula pode ser vista como um excelente exercício de reflexão sobre o comportamento
humano e as vicissitudes da vida, e não como uma forma de inculcar no leitor certas “verdades”. Do ponto de vista pedagógico, essa atividade de leitura exige a participação ativa do professor, pois ele deve estimular os alunos a se posicionarem criticamente diante do texto, pedindo-lhes que comentem as ações dos personagens e que reflitam sobre a situação apresentada, relacionando-a com fatos da vida real.
Por isso, a fábula não é um gênero que se destina exclusivamente ao leitor infantil. Ao contrário, nascida como fruto da observação do comportamento dos adultos, rende muito quando lida e estudada por leitores mais experientes, permitindo bons debates em sala de aula.

Atividade 1 – Construindo a compreensão do gênero
O professor distribui para cada grupo duas ou três fichas de cartolina, com um provérbio conhecido, esclarecendo que este é um tipo de frase lapidar, concisa e com um sentido exato e que apresenta um ensinamento proveniente da sabedoria popular. Entrega também fichas em branco para que os grupos acrescentem outras frases por eles conhecidas no mesmo estilo. Após uma pequena discussão, o grupo deve eleger a frase que, para a maioria, é a mais significativa, fazendo uma pequena exposição dos motivos e/ou ilustrando-a com situações cotidianas. Abaixo estão relacionados alguns exemplos de provérbios, com os nomes das respectivas fábulas a que se referem:
OBSERVAÇÃO: Ao distribuir as fichas com os provérbios, o professor deve ter o cuidado de não fazer a indicação dos títulos das fábulas, pois este conhecimento será inferido pelos próprios alunos.

Gostou? Então clique aqui e leia a postagem na íntegra, direto do blog de origem.

sábado, 2 de outubro de 2010

Mais acessadas